OKR: o que é e como implantar na sua empresa?

Atualizado: Mai 21

Falta de gestão estratégica é um dos principais motivos de falência das empresas, segundo o Sebrae. Ter uma estratégia bem consolidada é fundamental para o funcionamento da organização.

Uma forma de se fazer isso é aplicando o método OKR (Objectives and Key Results) que é utilizado para simplificar, definir objetivos e também os resultados-chave dentro de empresas de forma clara e concisa.



O que é o método OKR?

O método OKR existe desde 1970. O conceito foi criado por Andy Grove, mas popularizado por John Doerr, um dos primeiros investidores do Google. OKR rapidamente se tornou um foco importante para o Google, e empresas como LinkedIn, Twitter, Dropbox, Spotify, AirBnB e Uber seguiram o exemplo.

Cada parte de sua escrita tem um significado relevante que nos ajuda no entendimento do processo:

Objectives: devem desafiar e motivar a equipe. Quanto mais envolventes, mais fáceis de serem compreendidos e aplicados. Um objetivo bem traçado e com prazo estabelecido tem mais chances de obter sucesso.


Key Results: métricas que levam ao destino, que são os objetivos. É a progressão que toma forma de resultado. É o como sair de A e ir até B de maneira eficaz.

Fórmula de Metas de Doerr: Para que serve?

Funciona da seguinte maneira. Vamos já colocar o método em ação, que tal? Pegue uma folha de papel e escreva:

Eu vou ________ medido por ________.

Sem o “como” você tem apenas o desejo e não a forma de executar aquilo que almeja. Por isso a importância do “medido por”, pois é neste espaço em branco que você colocará sua forma de agir. E isso só depende de você.

A fórmula de Doerr é a melhor maneira de se explicar a estrutura de um OKR:

Eu vou (Objetivo) medido por (o seu conjunto de resultados-chave).

Como implantar?

Apesar de parecer simples, a metodologia OKR precisa de planejamento.

Passo nº 1: Defina metas específicas

Deixe claro para seus funcionários onde quer chegar e o que terão que fazer para que isso aconteça. Tenha essas metas fixadas na cabeça, se mantenha motivado e alinhe seus colaboradores.

Passo nº 2: Estabeleça prazos

Metas traçadas, agora é preciso definir uma data para sua realização. Lembrando que as metas OKRs não podem ser longas demais, pois isso prejudica sua eficácia. Metas claras, objetivas e de curto prazo.

Passo nº 3: Esteja a par dos resultados

Avaliar os resultados semanalmente ajuda na boa execução e na mudança de rota caso necessário. Deixe seus colaboradores por dentro de tudo o que acontece, eles se sentirão parte do processo e continuarão engajados no seu objetivo.

Passo nº 4: Deixe as OKRs à vista

Transparência é ponto fundamental da estratégia OKR. É importante focar nas metas, nas métricas e nos resultados. União e esforço coletivo somado às planilhas à vista, por exemplo, e com prazo determinado, levam ao sucesso mais rapidamente.